SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 issue1Mental health of the elderly: perceptions related to agingNurses' perception about risk classification in an emergency service author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Investigación y Educación en Enfermería

Print version ISSN 0120-5307

Abstract

INOUE, Kelly Cristina; GOMES DA SILVA VERSA, Gelena Lucinéia  and  MISUE MATSUDA, Laura. Nível de estresse nos enfermeiros intensivistas de um município no Paraná (brasil). Invest. educ. enferm [online]. 2014, vol.32, n.1, pp.69-77. ISSN 0120-5307.

Objetivo. Identificar o nível de estresse dos enfermeiros intensivistas, que trabalham num município do oeste do Paraná, Brasil. Metodologia. Estudo de corte transversal realizado de maio a julho de 2010, com 60 enfermeiros das Unidades de Cuidados Intensivos (do Adulto, Pediátrica ou Neonata) de cinco hospitais. Todos os participantes responderam a escala Bianchi de Estresse. Resultados. A média de idade foi de 31 anos, o 70% eram mulheres, 33% tinham mais de 15 anos de ter terminado seus estudos, o 88% realizava atividades de cuidado. O nível geral de estresse foi médio. Por domínio, o estresse foi baixo em: relações com outras unidades e supervisores, atividades relacionadas com o adequado funcionamento da unidade e com a coordenação das atividades da unidade; e foi médio nos domínios: atividades relacionadas com o manejo do pessoal, condições trabalhistas para o desenvolvimento das atividades de enfermagem, e o atendimento prestado ao paciente; este último se relacionou aos fatores de estresse: enfrentar a morte do paciente, atender as emergências na unidade, orientar familiares de pacientes críticos e, realizar tarefas com tempo mínimo disponível. Conclusão. Apesar do nível de estresse geral foi médio, os domínios identificados com maior pontuação possibilitam planejar estratégias de intervenção para a preservação da saúde dos enfermeiros intensivistas, que redunda numa melhor qualidade do atendimento prestado ao paciente grave.

Keywords : enfermeiras; estresse psicológico; unidades de terapia intensiva.

        · abstract in English | Spanish     · text in English     · English ( pdf )