SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 número3Características antropométricas e funcionais de corredores colombianos de elite de longa distânciaColonização e fatores de virulência de Staphylococcus aureus resistente a meticilina numa população infantil de Montería índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Iatreia

versão impressa ISSN 0121-0793

Resumo

GUTIERREZ-VERGARA, Cristian Camilo et al. Determinação de anticorpos totais (IgG/IgM) e específicos (IgM) para o vírus da hepatite E e detecção molecular do vírus em fezes de humanos com ou sem exposição ocupacional a porcinos em 10 municípios de Antioquia. Iatreia [online]. 2015, vol.28, n.3, pp.248-258. ISSN 0121-0793.  http://dx.doi.org/10.17533/udea.iatreia.v28n3a03.

Em 10 municípios de Antioquia se determinou a seropositividade para anticorpos totais (IgG/IgM) e específicos (IgM) para o vírus da hepatite E (VHE), e se procurou identificar o RNA do vírus em fezes de pessoas positivas para IgM. Avaliaram-se dois grupos: um de indivíduos expostos a porcos e outro sem dita exposição, este último dividido em dois subgrupos (conviventes de expostos e população geral). A frequência de anticorpos totais nos expostos foi de 15,7% e a de IgM, do 2,5% (p < 0,001). No grupo sem exposição ocupacional, mas conviventes de expostos, os anticorpos totais se acharam em 5,9% e não se detectou IgM. No subgrupo de população geral a seropositividade foi de 7,2% para IgG/IgM e de 0,81% para IgM (p < 0,001). Em nenhuma das mostras de fezes de indivíduos positivos para IgM se achou o RNA do VHE. Os resultados mostram que os indivíduos expostos ocupacionalmente a porcos têm maior risco (RP: 2,42) de apresentar anticorpos anti-VHE que aqueles sem dita exposição (CI95%: 1,66-3,53) (p < 0,001). Também indicam que em Antioquia o VHE circula em pessoas com e sem exposição a porcos. Requerem-se mais estudos sobre o VHE na Colômbia.

Palavras-chave : Colômbia; Exposição a Porcos; Hepatite E Vírus; Serologia.

        · resumo em Espanhol     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )