SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número71Os pobres estão convidados à mesa. Debates e projetos transnacionais de alimentação popular na América do Sul, 1930-1950Cozinha, espaço público e gênero: o trabalho nas cozinhas de hotel (Mar del Plata, segunda metade do século XX) índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Historia Crítica

versão impressa ISSN 0121-1617

Resumo

GARCES MARRERO, Roberto. Os primeiros anos da Revolução cubana e das Unidades Militares de Ayuda a la Producción (UMAP). hist.crit. [online]. 2019, n.71, pp.93-112. ISSN 0121-1617.  http://dx.doi.org/10.7440/histcrit71.2019.05.

Objetivo/contexto:

este artigo está enfocado na informação retratada nas publicações jornalísticas cubanas, como El Mundo, Granma e Verde Olivo, de 1965 a 1968, sobre as Unidades Militares de Ayuda a la Producción (UMAP).

Originalidade:

pouquíssimos estudos abordaram esse tema a partir da tentativa de reconstruir o momento econômico, sociopolítico e cultural no qual surgiu essa instituição revolucionária.

Metodologia:

a pesquisa foi conduzida através de um enfoque que privilegia a análise documental, devido à ausência de outro tipo de fonte histórica.

Conclusões:

estas Unidades foram criadas com o objetivo de reformar algumas pessoas, como religiosos, homossexuais, dissidentes e desvinculados laborais, através do trabalho agrícola como método corretivo a nível individual e político-ideológico.

Palavras-chave : ideologia; Revolução cubana; Unidades Militares de Ajuda à Produção.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )