SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 issue1Vision of mothers in care of premature babies at homeKnowledge on tuberculosis In health workers in a sector of Bogotá D.C author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Avances en Enfermería

Print version ISSN 0121-4500

Abstract

MORALES B, María Carolina. Entre o controle e a autonomia: políticas de saúde sexual de jovens e mulheres na Colómbia, 1964-1991. av.enferm. [online]. 2011, vol.29, n.1, pp.130-142. ISSN 0121-4500.

Desde mediados dos anos sessenta se formularam políticas de saúde sexual e reprodutiva para jovens e mulheres visando controlar os nascimentos, o planejamento familiar e a atenção materno-infantil. Para mediados dos anos sessenta se instaurou a educação sexual, foi penalizado o aborto e se definiram os componentes centrais da saúde sexual e reprodutiva que se conhece atualmente na Colómbia. Finalmente, na década de 1990 a representação das mulheres e a mobilização dos estudantes lideraram uma mudança social e política que significou uma verdadeira preparação para a Assembléia Nacional Constituinte e para seu reconhecimento como atores políticos. A conseqüente conquista de direitos políticos foi óbice para os direitos sexuais e reprodutivos debatidos no país desde 1994; estes direitos não foram reconhecidos pelo Estado colombiano. Neste trabalho, oferecemos uma análise do componente político destas políticas visando explicar a mudança do controle à autonomia. O trabalho está dividido em duas partes; a primeira se refere aos inícios da configuração das atuais políticas de saúde sexual e reprodutiva no país, e a segunda tem a ver com o surgimento e reconhecimento dos atores sócio-políticos que as impulsionaram: os jovens e as mulheres. Destaca-se o político por ser ele o núcleo do movimento de poder e o fator determinante na configuração dessas políticas e nas desigualdades existentes entre vários jo-vensemulheres, contrárioaoquesedizdoestilodevidadestes atores.

Keywords : saúde pública; políticas; reprodução; Colómbia.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · Spanish ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License