SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue1The Metals Sector: Labor Union Relations, Motivation, and Meanings of WorkPsychosocial Factors and Psychological Intervention in Chronic Non-Communicable Diseases author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Revista Colombiana de Psicología

Print version ISSN 0121-5469

Abstract

GOMEZ ORTIZ, VIVIOLA; PERILLA TORO, LYRIA ESPERANZA  and  HERMOSA RODRIGUEZ, ANGÉLICA MARÍA. Moderação da Relação Entre Tensão Laboral e Mal-estar de Professores Universitários: Papel do Conflito e a Facilitação Entre o Trabalho e a Família. Rev. colomb. psicol. [online]. 2015, vol.24, n.1, pp.185-201. ISSN 0121-5469.  http://dx.doi.org/10.15446/rcp.v24n1.42081.

Avaliou-se se o conflito e a facilitação entre trabalho e família moderam a relação entre tensão laboral e saúde psicológica, e se os níveis de conflito e facilitação variam segundo o sexo. Realizou-se um estudo transversal com 302 professores de universidades públicas e particulares de Bogotá, os quais responderam a questionários que avaliavam tensão laboral, conflito e facilitação trabalho-família e família-trabalho, ansiedade, depressão, sintomas psicossomáticos, adaptação social e burnout. Os resultados indicaram que o conflito trabalho-família modera a relação entre tensão laboral e burnout, enquanto o conflito família-trabalho modera a relação entre tensão laboral e depressão. Em ambos os casos, relatos mais altos de tensão laboral e conflito estiveram vinculados com maiores experiências de mal-estar.

Keywords : trabalho e família; estresse laboral; mal-estar psicológico; burnout; psicologia da saúde.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · Spanish ( pdf )