SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue1Titanium Dioxide Nanoparticles and Sodium Nitroprusside Alleviate the Adverse Effects of Cadmium Stress on Germination and Seedling Growth of Wheat (Triticum aestivum L.)Application of physico-chemical indexes and BMWP / Col. to establish the impact of urbanization on Río Frío (Bucaramanga, Colombia) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Universitas Scientiarum

Print version ISSN 0122-7483

Abstract

CUEVA-AGILA, Augusta Y.; CELLA, Rino  and  SALCEDO-REYES, Juan Carlos. Transformação da orquídea silvestre Cattleya maxima Lindl mediada por Agrobacterium. Univ. Sci. [online]. 2018, vol.23, n.1, pp.89-107. ISSN 0122-7483.  http://dx.doi.org/10.11144/javeriana.sc23-1.amto.

Os protocormos são estruturas anatômicas únicas: são similares aos rizoides e se formam por hastes jovens de orquídeas sob condições fisiológicas. Os tecidos explantados de orquídeas produzem estruturas chamadas Corpos Similares a Protocormos (PLBs) quando estão expostos a condições apropriadas de crescimento in vitro. Tanto a natureza propagativa dos PLBs como a facilidade com que se generam, fazem com que estas estruturas sejam uma alternativa atrativa, comparativamente a mediada por sementes, para a produção de grandes números de plantas em crescimento. Para aumentar a embriogênesis somática e otimizar o procedimento, se transformaram PLBs de Cattleya maxima utilizando o método de Agrobacterium tumefaciens. O T-DNA carregava um gen de resistencia a Higromicina, um marcador visível (GFP5-GUSA) e um gen de arroz que codificava para o receptor tipo quinasa de embriogênesis somática (SERK), considerado importante na embriogênesis somática. Os PLBs tratados geraram embriões somáticos e desenvolveram plântulas resistentes a Higromicina. A inserção do T-DNA se confirmou por PCR, e a expressão de GFP se observou utilizando um estereomicroscópio de fluorescência. Os PLBs transformados de Cattleya maxima foram mais eficientes em desenvolver embriões somáticos (60-80%) que os controles não transformados (45-57%) e este contraste se potencializou em meio Murashige y Skoog (MS) livre de hormônios (80% das plantas transformadas em comparação com 57% das não-transformadas). Estes resultados apoiam a noção de que SERK desempenha um papel importante na embriogênesis de orquídeas.

Keywords : Agrobacterium tumefaciens; Corpos Similares a Protocormos; Transformacao; Orquideas; pCAMBIA; SERK.

        · abstract in English | Spanish     · text in English     · English ( pdf )