SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 issue30Study of Morbidity, Mortality and Disease in Colombian Mixed Race Foals During their First 30 Days of Life in Bogota's SavannahMolecular Diversity of Vaccine Candidates in Leptospira spp author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Revista de Medicina Veterinaria

Print version ISSN 0122-9354

Abstract

SANCHEZ BONILLA, María del Pilar  and  GUTIERREZ MURILLO, Norma Patricia. Frequência e susceptibilidade antimicrobiana do estafilococo coagulase negativo isolado de mastite bovina em fazendas produtoras de leite do Tolima, na Colômbia. Rev. Med. Vet. [online]. 2015, n.30, pp.83-93. ISSN 0122-9354.

Objetivo: Determinar a presença e susceptibilidade antimicrobiana do grupo estafilococo coagulase negativo (ECN) em algumas fazendas de gado do Tolima, na Colômbia. Materiais e métodos: Mediante a prova de Califórnia para o diagnóstico de mastite (CMT), se avaliaram 484 quartos pertencentes a 121 vacas de cinco fazendas de gado de pequena produção de uma região do centro do Tolima. As amostras positivas ao CMT se cultivaram para isolamento bacteriológico. Aos ECN encontrados foram-lhes realizadas provas de susceptibilidade diante dos antibióticos. Os resultados se analisaram com estatística descritiva. Resultados: 252 (52%) quartos não apresentaram nenhum tipo de reação ao CMT, nem signos clínicos de mastite, razão pela qual foram considerados livres da doença. Dos quartos, 73 (15%) foram positivos para CMT e cultivo bacteriológico. Destes se isolaram 36 cepas de ECN (7,4% do total de quartos); S. aureus-ECP, 28 (5,8%); Streptococcus spp., 6 (1,2%); Escherichia coli, 2 (0,4%), e Klebsiella pneumoniae, 2 (0,2%). A mastite clínica e subclínica no quarto se apresentaram em 1,4% e 13,6%, respectivamente. Em 5 (1,0%) dos quartos se encontrou mastite clínica causada por ECN e mastite subclínica em 31 (6,4%). Em 61% das cepas de ECN foram resistentes à penicilina, e o 58%, à tetraciclina; o 97% foram sensíveis à cefoperazona. Conclusão: o grupo ECN, considerado um emergente mundial de mastite, é evidenciado com alta frequência em fazendas de gado do Tolima, na Colômbia, o que causa mastite clínica e subclínica com variada resposta aos antimicrobianos.

Keywords : estafilococo coagulase negativo (ECN); mastite clínica; mastite subclínica; prova Califórnia mastite.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · Spanish ( pdf )