SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 número2LA ACTITUD MÉDICA ANTE EL DOLOR AJENOEMBARAZO Y MATERNIDAD ADOLESCENTE EN BOGOTÁ Y MUNICIPIOS ALEDAÑOS: CONSECUENCIAS EN EL ESTUDIO, ESTADO CIVIL, ESTRUCTURA FAMILIAR, OCUPACION Y PROYECTO DE VIDA índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Persona y Bioética

versão impressa ISSN 0123-3122

Resumo

CORDOBA PALACIO, Ramón. EL ELEMENTO ÉTICO RELIGIOSO EN LA RELACIÓN MÉDICO PACIENTE. pers.bioét. [online]. 2007, vol.11, n.2, pp.156-169. ISSN 0123-3122.

Desde a perspectiva do exercício da medicina como vocação de serviço à pessoa humana, o que implica a decisão permanente e voluntária de optar pela "tendência a ajudar ao paciente", o que o médico deve brindar em procura do bem total de quem lhe confia o cuidado da sua existência, já seja a própria ou de seu legítimo representado, como no caso das crianças, se examina o "momento ético-religioso" que, sem restar importância a nenhum dos outros momentos que estruturam cada ato médico, os inclui todos. Ainda mais, para o médico, as exigências éticas estendem-se até o momento no que decide a sua vocação; quanto ao paciente, para que use com honestidade a atenção médica. O aspecto religioso deste elemento ou "momento" não se refere a nenhum credo específico, mas sim à "dimensão formal do ser pessoal humano", à "atualização do ser religado do homem", de acordo com o pensamento de Zubiri.

Palavras-chave : bioética; relação médico-paciente; momento ético religioso; missão fundamental do médico.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )