SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 issue1RELATIVISMO ÉTICOÉTICA DEL CUIDADO FEMINISTA Y BIOÉTICA PERSONALISTA author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Persona y Bioética

Print version ISSN 0123-3122

Abstract

MERCHAN-PRICE, Jorge. LA EUTANASIA NO ES UN ACTO MÉDICO. pers.bioét. [online]. 2008, vol.12, n.1, pp.42-52. ISSN 0123-3122.

Neste artigo expõem-se os argumentos pelos quais o médico está juridicamente impedido de matar os seus pacientes. Dentre outras razões, os médicos não matam seus pacientes porque "matar" não é um ato médico terapêutico. Não restabelece a saúde nem preserva a vida. Se o Estado deseja a eutanásia e o suicídio assistido, não existe nenhuma razão que impeça os familiares dos pacientes os levem ao cabo. Eles, não o médico, devem responder pelo ato ante a sociedade e as suas próprias consciências. Além disso, o artigo revisa de modo claro e conciso a sentencia C-239/97 da Corte Constitucional e explica porquê alguns artigos do projeto da lei 05/07 do Senado não se ajustam a ela e, portanto, são inconstitucionais.

Keywords : eutanásia; ética médica; "matar"; médico decente; missão médica mundial; dignidade humana; dignidade da vida.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · Spanish ( pdf )