SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue2Longitudinal evaluation of functional neurodevelopmental diagnosis according to the Munich Method in preterm infantsProgram for the prevention of chronic kidney disease based on integrated service networks in Colombia author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Revista de Salud Pública

Print version ISSN 0124-0064

Abstract

SOUSA SIMOES, Fabrício  and  FERNANDES FILHO, José. Confiabilidade de indicadores antropométricos e fisiológicos para desenvolvimento de um índice de saúde para idosos. Rev. salud pública [online]. 2017, vol.19, n.2, pp.166-170. ISSN 0124-0064.  http://dx.doi.org/10.15446/rsap.v19n2.64447.

Objetivo

Verificar a confiabilidade de indicadores antropométricos e fisiológicos para o desenvolvimento de um índice de saúde para indivíduos idosos.

Métodos

Estudo quantitativo de corte transversal, onde a amostra foi composta por 63 idosos de ambos os sexos, participantes do Projeto Movimenta Cruz das Almas, como parte do Programa de Saúde da Família (PSF) da cidade de Cruz das Almas, Bahia. Idade igual ou superior a 60 anos. Sendo 58 indivíduos do sexo feminino e cinco masculino. Procedimento estatístico multivariado de análise de cluster e a análise de correlação de Spearman para apurar a intensidade da associação, e o Teste de Kruskal-Wallis para mensurar os escores em nível ordinal; p<0,05.

Resultados

A amostra apresentou uma média de idade de 64,29±4,55 anos. Configurando um maior número de idosos no grupo de pré-idosos (61,9 %), seguido pelos idosos jovens (26,37 %), os de média idade (10,47 %) e os idosos de idade avançada (1,26 %). A análise de cluster mostrou-se viável na identificação e validação de indicadores de saúde para idosos. Na determinação do grau de correlação das variáveis estudadas, os testes não paramétricos, Correlação de Spearman (p=0,0188), mostrou uma correlação estatisticamente significativa, e no teste de Kruskal-Wallis (p=0,0018) altamente significativa (H=15.0230).

Conclusão

Os resultados apontam para a eficiência e a confiabilidade na utilização de variáveis antropométricas e fisiológicas no processo de classificação de indicadores para a construção de índices de saúde.

Keywords : Indicadores básicos de saúde; antropometria; envelhecimento da população; (fonte: DeCS, BIREME)..

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )