SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue15EFFECT OF ECONOMIC DEVELOPMENT ON THE FATALITY RATE FROM MOTOR VEHICLE ACCIDENTS AMONG VARIOUS TYPES OF USERS OF PUBLIC THOROUGHFARES: AN INTERNATIONAL CROSS STUDYDEVELOPMENT OF AN APICULTURE INSTITUTE IN THE DEPARTMENT OF RISARALDA author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Investigaciones Andina

Print version ISSN 0124-8146

Abstract

ESPINOSA LOPEZ, Adriana Milena; MONSALVE CALDERON, Carolina; RODRIGUEZ TABORDA, Sandra Janeth  and  CARDONA ARANGO, Doris. SITUAÇÃO SÓCIO-DEMOGRÁFICA DO MENOR EM SITUAÇÃO IRREGULAR (ABANDONO OU PERIGO). ENVIGADO, COLÔMBIA 2000 - 2004.. Investig. andina [online]. 2007, vol.9, n.15, pp.38-48. ISSN 0124-8146.

Este artigo procura chamar a atenção sobre o abandono dos menores por parte de seus pais e o propósito é a conscientização daqueles comportamentos sociais que afetam e colocam em situação irregular a infância e a juventude enviagedenha. Objetivo: Explorar as características sócio-demográficas dos menores em situação irregular (abandono ou perigo), o querelante e o querelado, dos casos reportados na Segunda Vara de Família do município de Envigado (Antioquia), entre os anos 2000- 2004, que permitam um diagnóstico oportuno, e a implementação de novas estratégias para a promoção e prevenção desta situação. Materiais e métodos: Tomou-se como fonte de informação secundária dados proporcionados pela Segunda Vara de Família do município de Envigado, Departamento de Antioquia, correspondentes aos anos 2000 a 2004, equivalentes a 82 casos de menores em situação irregular Resultados: Em 37% dos casos, os menores em situação irregular tinham idade entre 5 e 9 anos (idade média de 7 anos); a porcentagem de casos reportados em menores desescolarizados foi mínima. Os querelados são mulheres em 85%, com idades entre 25 e 29 anos, pertencentes aos extratos sócio-econômicos 2 e 3, das zonas 6 e 9 do município de Envigado e, em 97% dos casos, abandonaram um filho. E 77% dos querelantes acorreu pessoalmente à Vara, dos quais 70% tinham formação secundária. Apresentaram-se 20% das denúncias através de chamadas telefônicas anônimas, o que não permite uma completa caracterização sócio-demográfica. Conclusões: As próprias crianças são as principais vítimas do abandono e as mães, as principais causantes da situação irregular dos menores (abandono ou perigo), segundo os casos registrados ante a Segunda Vara da Família do município de Envigado (Antioquia), correspondentes aos anos de 2000 a 2004.

Keywords : Situação sócio-econômica; análise da situação e avaliação da situação em saúde.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · Spanish ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License