SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 número21A penetração do neoliberalismo nos níveis sub-nacionais: O Cordoba caso: análise das leis provinciais e do novo Estado * Pacto FiscalMiragem no deserto: as falhas na primeira fase do envolvimento dos EUA no Iraque índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Civilizar Ciencias Sociales y Humanas

versão impressa ISSN 1657-8953
versão On-line ISSN 2619-189X

Resumo

GONZALEZ QUINTERO, Rodrigo. Os pactos sociais e da justiça constitucional: uma visão comparativa entre a Coréia e Colômbia. Civilizar [online]. 2011, vol.11, n.21, pp.33-48. ISSN 1657-8953.

Este artigo faz uma comparação entre a Coréia e Colômbia abordar pactos sociais e da justiça constitucional. Novas constituições foram aprovadas na Coreia do Sul e na Colômbia e nos tribunais constitucionais foram estabelecidas. Durante o último quarto de século, em circunstâncias de crise institucional, duas sociedades políticos e seus líderes assumiram a tarefa de superar a crise através da adopção de uma nova Constituição. A criação de tribunais constitucionais envolvidos nestes países, os futuros de moeda consenso constitucional alcançado e superar a crise recente. As novas constituições desses países são percebidas como a reformulação de alguns tribunais sociais e constitucionais e desempenham um papel importante em relação à constante atualização do pacto democrático e constitucional.

Palavras-chave : Processos constituintes; Coreia do Sul; Colômbia; Pacto Constitucional; os tribunais constitucionais.

        · resumo em Espanhol | Inglês | Francês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons