SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 número31Autonomia e imperativo do dizer na web interativa. Uma reflexão sobre o fazer arquivo em redes sociais a partir do contexto argentino atualA ficção e a ciência na narrativa seriada argentina índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Anagramas -Rumbos y sentidos de la comunicación-

versão impressa ISSN 1692-2522

Resumo

TAGLE-MONTT, Francisco Javier. Alcances e obstáculos do accountability midiático na América Latina após a Terceira Onda da Democratização. anagramas rumbos sentidos comun. [online]. 2017, vol.16, n.31, pp.135-150. ISSN 1692-2522.  http://dx.doi.org/10.22395/angr.v16n31a5.

Uma das mais clássicas funções normativas dos meios de comunicação nas democracias é a de ser vigilantes do poder, tanto para servir como defensores da cidadania quanto para que a opinião pública tome decisões corretas. Este trabalho discute, sob uma posição crítica, o accountability midiático na América Latina após a Terceira Onda da Democratização até o presente, a que, embora tenha tido um importante trabalho denunciante e investigativo em determinados casos de corrupção política, apresenta-se como limitada por duas razões: a alta concentração da propriedade dos sistemas de meios regionais que provoca um baixo pluralismo informativo que pode colocar em dúvida os verdadeiros alcances e intenções da vigilância realizados pelos meios ao poder e sua contribuição para a democracia; por outro lado, e como segunda razão, as reformas dos últimos anos realizadas por alguns governos de liderança progressista ou populista que não criaram um ambiente propício para essa função; ao contrário, promoveram carências para a liberdade informativa, princípio básico para o accountability midiático. Como conclusão, reflexiona-se sobre a importância de fomentar o pluralismo informativo e a liberdade de expressão como bases para a vigilância dos meios ao poder na região latino-americana.

Palavras-chave : accountability; América Latina; concentração; democracia; meios; poder; populismo; reformas; sistemas; vigilância.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )