SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número13UM ALGORITMO GENÉTICO HÍBRIDO E UM ESFRIAMENTO SIMULADO PARA SOLUCIONAR O PROBLEMA DE PROGRAMAÇÃO DE PEDIDOS JOB SHOPVALORAÇÃO DE RECURSOS MINERAIS SOB A TEORIA DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Revista EIA

versão impressa ISSN 1794-1237
versão On-line ISSN 2463-0950

Resumo

TINOCO, Héctor A  e  OSPINA, Diana Yomali. ANÁLISE DO PROCESSO DE DESIDRATAÇÃO DE CACAU PARA A DIMINUIÇÃO DO TEMPO DE SECADO. Rev.EIA.Esc.Ing.Antioq [online]. 2010, n.13, pp.53-63. ISSN 1794-1237.

O cacau é um dos produtos que demanda o mercado agrícola internacional; algumas companhias investiram desde seus inícios em pesquisa e desenvolvimento com o fim de obter novos produtos. Alguns fatores aumentam os custos nos produtos derivados do cacau, o qual pode ser atribuído a condições do mercado (oferta e procura), processos de transformação do cacau, processos e procedimentos agrícolas, entre outros. Este estudo enfoca-se em um processo de transformação industrial que habitualmente é uma etapa final de uma série de operações para conseguir grãos secos de cacau. Determinadas variáveis, como o tempo, temperatura e umidade, estabelecem a efetividade do secado de cacau. Esta pesquisa sugere a possibilidade de diminuir o tempo de secado industrial sem afetar as propriedades organolépticas, manipulando a umidade e a temperatura. Para esta proposta se realizaram provas de secado experimental e análise computacional utilizando o método de elementos finitos para estudar o processo de secado.

Palavras-chave : cacao; secado; desidratação; elementos finitos.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons