SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número27Da negação à diversificação: os intra e extramuros dos Estudos Afro-chilenosEstudos sobre pessoas de ascendência africana na América Central. Saindo do esquecimento índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Em processo de indexaçãoCitado por Google
  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO
  • Em processo de indexaçãoSimilares em Google

Compartilhar


Tabula Rasa

versão impressa ISSN 1794-2489

Resumo

VELANDIA, PEDRO J.  e  RESTREPO, EDUARDO. Estudos afro-colombianos: balanços de um campo heterogêneo. Tabula Rasa [online]. 2017, n.27, pp.161-197. ISSN 1794-2489.  http://dx.doi.org/10.25058/20112742.448.

De um punhado de autores que, há três décadas, lutavam para visibilizar as trajetórias e as presenças das populações negras, o campo dos estudos afro-colombianos hoje compreende uma rica rede de referências, conceitualizações e pesquisas realizadas desde diferentes disciplinas e orientações. Enfatizando as contribuições da antropologia e da história, neste artigo desenhamos uma cartografia desse campo dos estudos afrocolombianos. Para elaborar esta cartografia, que abrange desde meados do século XX até o presente, consideramos importante fazer uma distinção analítica do campo em quatro fases: pioneiros, surgimento, consolidação e eclosão.

Palavras-chave : Afro-colombianos; estudos afro-colombianos; comunidades negras; multiculturalismo.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )