SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 issue41Black Communities, Territorial Peace, and Resistances Along the Atrato RiverAll Violences: Social Conversations on Conflict in the Cauca Pacific Coast author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Tabula Rasa

Print version ISSN 1794-2489

Abstract

QUIJANO MEJIA, Claudia. De camponeses colonos a comunidade negra, da regulação da guerrilha à regulação estatal. Tabula Rasa [online]. 2022, n.41, pp.73-98.  Epub Apr 26, 2022. ISSN 1794-2489.  https://doi.org/10.25058/20112742.n41.04.

A partir do estudo de caso de uma comunidade negra, esse estudo analisa como a identificação com categorias étnico-raciais significou uma estratégia de resistência diante o conflito armado e possibilitou a aproximação das populações rurais às formas de regulação estatal. Depois do Acordo de Paz com as Farc, essa situação tem impedido que a guerrilha ELN se posicionasse como mediadora legitima dos conflitos comunitários. A etnografia e a história oral são as metodologias escolhidas, assim usam-se técnicas tais como a entrevista, a revisão documental e a observação participante. As categorias que guiaram a analise foram: identidade -considerada como estratégica e relacional- e Estado -visto não como um ator racional, mas conforme as praticas de seus agentes e segundo as representações que as populações têm dele-.

Keywords : comunidade negra; camponês; identidade..

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · Spanish ( pdf )