SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número11LA REFORMA PSIQUIÁTRICA Y EL MODELO DE ATENCIÓN PSICOSOCIAL EN BRASIL: EN BUSCA DE CUIDADOS CONTINUADOS E INTEGRADOS EN SALUD MENTALPSICOANÁLISIS E INTERVENCIÓN SOCIAL índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


CS

versión impresa ISSN 2011-0324

Resumen

CASTRO, XIMENA. SAÚDE MENTAL SEM SUJEITO. SOBRE A EXCLUSÃO DA SUBJETIVIDADE NAS PRÁTICAS ATUAIS DE SAÚDE MENTAL. CS [online]. 2013, n.11, pp.73-114. ISSN 2011-0324.  http://dx.doi.org/10.18046/recs.i11.1567.

O artigo analisa alguns dos discursos e práticas próprias da prevenção e cuidado da saúde mental. Orientado pela perspectiva Lacaniana, o presente exercício ajuda a entender as contradições da 'gestão' da saúde mental, visto que na procura por uma saúde mais diligente e eficiente acaba se tornando objeto de consumo. Permite além ter claridade quanto às conseqüências da ideologia da avaliação -e seus propósitos para medir, classificar e formalizar qualquer intervenção-, bem como dos problemas decorrentes de uma saúde mental, imperativamente apoiada por técnicas de treinamento comportamental 'para todos'. Estas considerações devem conduzir à reivindicação da subjetividade, isto é, à recuperação de um espaço onde o indivíduo possa assumir a sua própria responsabilidade pelo sofrimento que o prazer possa lhe ocasionar.

Palabras clave : Subjetividade; psicanálise; saúde mental; psicologia.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español     · Español ( pdf )